segunda-feira, 22 de março de 2010

A Volta do Canalha


No segundo semestre de 1.998 existia um bar na cidade chamado Galpão Brasil. Os sócios eram Fernando Rosella, o Coquinho do Circênico e o Zé Paulo Toffano, atual deputado federal e o João Virgilio Sampaio.

Depois de uns dois meses, a sociedade foi desfeita e uma maluca de Peruíbe chamada Sueli (só o Coquinho lembra o sobrenome) comprou o bar e contratou eu e o próprio Coco para tocar o bar.

Fizemos uma reinauguração com Matahare e Os Patrões e o local bombou!! Só que a tal da Sueli sumi com a grana e não pagou ninguém.

Passou o ano e lá por março de 99, eu e o Coquinho resolvemos fazer um evento para pagar os rabos e rombos que a tal da Sueli deixou.

Caminhando pela Dr. Quinzinho, vimos João Guerino na frente do bar. Ele tinha acabado de pegar o prédio de volta do Bar do Gallo e estava tentando fazer um buffet lá (alíás vocês já almoçaram lá no novo bar do João Guerino, fantástico!). Lembro-me tão bem que na placa estava escrito SEIDE (se não me engano é o nome da mãe do João).

Bom, perguntamos ao Canalha se ele faria uma festa conosco para poder pagar os débitos do Galpão. Ele aceitou e deu a idéia de fazer dois dias de festa. Coisa de maluco mesmo.

Saímos para fazer a divulgação e o Marinho Candido teve a idéia de fazer a cara do Canalha no cartaz. Levamos para ele ver com a certeza do João meter a boca (não era fácil contentar o canalha). Ledo engano, o cara adorou a caricatura feita pelo Mário e até hoje ele usa a arte para o seu comércio.

A festa virou então - A VOLTA DO CANALHA c/ Dudu Galvão e banda e Patrões na sexta e Matahare no sábado.

Os dois dias foram um sucesso. Pagamos todo mundo e sobrou uma graninha ainda. Durante aquele ano de 1.999 continuamos a fazer festas no Canalha´s bar.

Aos poucos, contaremos com calma essas festas.....

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. grande historia.. é legal ler sobre gente quebrando a cara e se redimindo... pegada legal, aguardo continuação..

    ResponderExcluir